sexta-feira, 23 de maio de 2014

Banda Sueca de Heavy Metal lança música em homenagem à soldados brasileiros da FEB (Força Expedicionária Brasileira)





Brasão da FEB






A banda de Heavy Metal sueca Sabaton lançou seu mais recente álbum esse mês (16 de Maio de 2014). Heroes é o sétimo álbum dessa banda que foi formada em 1999. Os caras fazem um Power Metal muito poderoso e melódico. Todas as musicas se parecem com hinos. Mas para nós brasileiros, a terceira faixa do álbum tem um significado especial. A música chamada “Smoking Snakes” – cobras fumantes em português – é uma homenagem a FEB – Força Expedicionária Brasileira – que lutou na Itália contra as forças nazistas. O titulo da musica faz referencia ao fato de os pracinhas brasileiros usarem em seu brasão uma cobra fumando que por sua vez foi usada pelo fato de que a população duvidava da entrada do Brasil na guerra dizendo que: "era mais fácil uma cobra fumar um cachimbo do que o Brasil entrar nessa guerra". 



Note a bandeira do Brasil em uma das capas do álbum "Heroes"

O vocalista Joakim Brodén é um aficionado pelo tema “Segunda Guerra Mundial” e todas as letras que escreve está relacionado às grandes batalhas desse conflito. Esse novo álbum foca mais nos heróis individuais que lutaram nessa guerra, por isso foi intitulado “Heroes” – heróis.

A música em questão possui até uma parte do refrão em português com a frase “Cobras Fumantes eterna é sua vitória” que sendo cantada com o coral soa como latim.

Sua letra é uma exaltação a 3 soldados brasileiros que enfrentaram no dia 14 de Abril de 1945 durante o ataque a cidade de Montese na Itália uma das situações mais adversas dos pracinhas brasileiros. O pelotão, ao qual faziam parte 
ARLINDO LÚCIO DA SILVA, GERALDO RODRIGUES DE SOUZA e GERALDO BAÊTA DA CRUZ, foi detido por violenta barragem de morteiros inimigos, enquanto uma metralhadora alemã hostilizava violentamente o seu flanco esquerdo, obrigando os atacantes a se manterem colados ao solo. Não tendo mais possibilidades de sair do local, os três soldados brasileiros ficaram desgarrados de sua tropa. Mas segundo consta não temeram! Imediatamente, o Soldado ARLINDO, atirador de fuzil automático, localiza a resistência inimiga e num gesto de grande bravura, levanta-se, localiza a resistência inimiga e sobre ela despeja seis carregadores da sua arma, obrigando-a a calar-se. Geraldo e Baêta não pararam de atirar. Eram três pracinhas contra uma tropa de grande número. Tropa essa que pensava estar enfrentando uma outra de efetivo igual ou superior ao seu. Atiraram até a munição acabar. ARLINDO é ferido mortalmente por um franco atirador inimigo, enquanto GERALDO é atingido por um cruel estilhaço e BAÊTA recebe um tiro certeiro.

A musica termina de forma muito enfática exaltando o heroísmos dos pracinhas brasileiros: "Nós nos lembramos da não rendição dos heróis do século"(tradução livre)



Confira no link um vídeo feito com a música legendado em portuguê - só avisando que as legendas não são minhas e não me responsabiliso pela baixa qualidade.
https://www.youtube.com/watch?v=nG46qvWgO0s#t=90




André Stanley é professor e escritor; autor do livro “O Cadáver”; presidiu o Centro acadêmico do curso de História no UNIFEG em 2007, é membro efetivo da Ass. Dos Historiadores e pesquisadores dos Sertões do Jacuhy desde 2004. Atua hoje como professor e pesquisador de História. Também leciona língua inglesa idioma que domina desde a adolescência..

3 comentários:

  1. Muito legal , gostei.!!!
    É preciso alguém de outro país para Reconhecer
    homens que lutaram e morreram ñ só pelo nosso país mas
    sim para ajuda a liberta um outro país que não era o seu.

    ResponderExcluir
  2. Assim que eu tiver um tempo vou fazer um vídeo com uma legenda legal em português e inglês...enquanto isso vocês podem assistir esse...

    ResponderExcluir

Postagens Populares